Voltar à Página Inicial

Mais informações em breve.

Nossa PROPOSTA:

  • MELHORAR AS CONDIÇÕES DE MORADIA da população de baixa renda.
  • REDUZIR os entulhos gerados por reformas de arquitetura e o volume do “lixo” que vai das caçambas para os aterros de resíduos sólidos.

Como é de conhecimento geral, os  programas de habitação popular não conseguem suprir a demanda de moradia da população de baixa renda. Grande parte desta população constrói sua moradia com os recursos que lhe estão disponíveis.  Apesar de muitos terem prática na construção civil,  bem poucos sabem como planejar e projetar uma residencia utilizando da melhor forma os poucos recursos que possuem. Dessa forma temos encontrado casas com pouco conforto térmico, baixa funcionalidade, desperdicio de materiais  ou materiais  mal empregados.

Nosso TRABALHO:

Através do recebimento de DOAÇÕES DE REFUGO de nossos clientes e parceiros , e com nossa ASSESSORIA TÉCNICA procurar, com criatividade e uso da mão-de-obra disponível  melhorar a qualidade da construção dessas moradias.

COMO:

Propondo melhorias que envolvam CONFORTO AMBIENTAL, tais como:

  • relocação dos vãos de janelas e portas proporcionando melhor iluminação, ventilação cruzada e entrada de sol nos cômodos,
  • Sugestão de Layout para melhorar a funcionalidade na distribuição dos espaços e economizar na distribuição da rede hidráulica e de esgotos,
  • Sugestão de distribuição de mobiliário,
  • Educando o executante da obra  a economizar no uso dos materiais e aproveitar os refugos recebidos (Por ex.: Sobras de pisos podem ser recortados e aplicados em pisos e paredes em forma de mosaicos).

RESULTADO:

  • Melhora da auto-estima, qualidade de vida e saúde dos habitantes
  • Economia de recursos
  • Contribuição na diminuição do volume de resíduos sólidos nos aterros

Projeto em andamento: 

Situação Atual :

Atualmente uma família de quatro adultos (casal com mãe e tia) e duas crianças (meninos de 5 e 7 anos) residem nesta casa.  Como a casa só possui dois cômodos além do banheiro, eles utilizam a cozinha e a sala também como dormitório.  A tia só freqüenta a casa nos fins-de-semana, então avó e filhos dormem na cozinha e o casal na sala.

As fundações e a estrutura da casa (pilares e vigas) foram dimensionadas para permitir a construção de um segundo piso.

Os planos da família são de construir acima a residência do casal com os filhos e deixar a mãe e a tia com o andar de baixo.  Por questões de logística e custo essa obra deverá ser feita em etapas: primeiramente será reformado o térreo e depois será construído o segundo andar.


planta-original

Problemas encontrados:

Construção agarrada nas divisas utilizando o muro que divide os terrenos como parede da casa.

Impossibilidade de abertura de vãos  para iluminação e ventilação nestas paredes.

Cômodos com tamanhos desproporcionais incorporando usos múltiplos e incompatíveis.

Umidade nas paredes que fazem divisa com os terrenos vizinhos.

Dificuldade dos moradores de vislumbrarem uma re-disposição funcional da casa.

cozinha-quarto-2-jailson cozinha-quarto-jailson banheiro-jailson

Quarto / Cozinha  / Banheiro

exterior-jailson exterior-2-jailson horta-jailson

Vistas externas

Nossa Proposta:

plantabaixaproj1

Gostaria de participar? entre em contato conosco.

Toda ajuda é bem vinda.

GOSTARÍAMOS DE AGRADECER aos nossos clientes que doaram desde piso e revestimentos a portas, esquadrias de alumínio, … refugos em geral que facilitaram a realização deste trabalho.  Queremos agradecer também aos construtores que muitas vezes tem contribuído com o transporte e  armazenamento deste material para uso posterior e a todos os voluntários que de alguma forma participaram da realização desta idéia.

NOSSO IMENSO OBRIGADO!!!!

Voltar à Página Inicial

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: